Sombras Prateadas


Autor: Richelle Mead
Editora: Seguinte
Ano: 2015
Páginas: 368
Sombras Prateadas - Sydney Sage arriscou tudo. Ainda infiltrada na organização, trabalhava contra os alquimistas e vivia um romance secreto com o vampiro Adrian Ivashkov. Qualquer deslize poderia trazer tudo por água abaixo, e foi exatamente o que aconteceu: sua própria irmã descobriu seu relacionamento proibido e a denunciou, fazendo com que Sydney fosse capturada pelos seus pares e mandada para a terrível reeducação. Cercada de inimigos e sem saber onde estava ou como sairia dali, Sydney luta para manter sua identidade, sua capacidade de pensar por si mesma e, principalmente, a esperança de que encontrará Adrian novamente.

Cuidado essa resenha pode ter spoilers dos livros anteriores.

Ainda seguindo a logica dos livros da Richelle, eu claro, estava preparada para algum grande acontecimento nesse livro, e claro não me decepcionei.

Depois de Coração Ardente, quando achei que as coisas estavam indo bem demais para Sydney e Adrian, eu já esperava algo, que claro foi o “sequestro” de Sydney pelos Alquimistas que resultou com ela sendo levada para o seu pior pesadelo, a Reeducação.

Depois de meses presa sem ter nossa dessa passagem de tempo, Sydney finalmente é lançada ao convívio com outros “rebeldes”, termos que os Alquimistas usam para aqueles que se relacionaram muito intimamente com os Morois e Dampiros.

Enquanto isso Adrian, tenta de todas as formas descobrir para onde ela foi levada, mas não consegue nada, além de se afunda mais e mais nos efeitos do Espirito. Até que finalmente surge uma pista, e ele se joga de cabeça.

Acredito que o foco desse livro, foi mostrar o quanto os dois personagens cresceram e são fortes mesmo não estando juntos.

A narração mais uma vez é dividida entre os pontos de vistas de Sydney e do Adrian o que ajuda a ver os dois lados da moeda. A forma como os Alquimistas foram detalhados nesse livro foi ótimo, nos mostrando um pouco mais o quanto alguns deles são totalmente fanáticos pela causa. Mas apesar de todas as partes pesadas da reeducação, o romance que envolver Sydney e Adrian, tão um toque um pouco mais leve para a drama.

O final, claro, não poderia deixar de surpreender. Para ser bem sincera esperava algo do tipo, mas não nesse livro, só no ultimo. Então não preciso dizer que agora estou super ansiosa para ler o ultimo e saber como a Richelle vai finalizar as pontas soltas dessa história, que já esta me deixando com saudades.

assinatura-viviane

Nenhum comentário:

Postar um comentário