O Retrato de Dorian Gray (Filme)

Título Original: Dorian Gray
Direção: Oliver Park
Duração: 112 min.
Ano de Lançamento: 2009
País de Origem: Reino Unido
Gênero: Drama e Fantasia
Distribuidora: Europa Filmes
Classificação Indicativa: 16 anos
Londres. Dorian Gray (Ben Barnes) é um belo e ingênuo jovem, levado à alta sociedade local por Henry Wotton (Colin Firth), que lhe apresenta os prazeres hedonistas da cidade. Basil Hallward (Ben Chaplin), um artista que frequenta este meio, resolve pintar um retrato de Dorian, de forma a capturar sua beleza jovial. Ao ver o quadro Dorian faz a promessa de que daria tudo, até mesmo sua alma, para permanecer sempre com o visual nele estampado. A partir de então Dorian não mais envelhece, mas todos os pecados que comete e a idade que chega são demonstrados no retrato, cada vez mais terrível. Para que ninguém mais o veja, Dorian decide esconder o retrato no sótão de sua casa.
Dorian Gray é um jovem muito bonito e ingênuo. Ele se muda para Londres depois de receber uma grande herança. A alta sociedade de Londres não é fácil de agradar e ela espera atitudes e comportamentos que não são naturais para ele.
Logo no inicio, Dorian conhece um aclamado pintor da época, que logo se encanta com a beleza de Dorian e não resiste à tentação de pintar um retrato dele, que será o famoso retrato que desenvolverá toda a história.
Dorian conhece uma simpática e meiga atriz, Sybil, e tão rápido quanto possível, estão apaixonados e noivos, mas tudo vai por água a baixo quando Wotton consegue influenciar Dorian, com suas ideias e desafios, causando o suicídio da garota.
Quando Dorian descobre, fica arrasado, ainda mais por saber que ela estava gravida, e como o coração partido, ele se entrega a vida de luxuria, cheia de festas e drogas de Londres, mas isso tem um preço claro.
Dorian descobre que não é afetado, que suas cicatrizes somem e são transferidas para o quadro feito por Basil, assim tornando Dorian imortal.
O filme foi bem criticado por não ser fiel à obra de Oscar Wilde, o que não posso afirmar, pois não li o livro ainda. Dizem que o roteirista, Tob Finley, modificou totalmente a história retratada no livro, criando até personagens que antes não existiam, tornando o filme em uma releitura, ou seja, uma adaptação feita na tentativa de se apresentar um clássico para um público muito diferente.
Mas nem tudo está perdido, pois podemos ver que algumas características de Wilde ainda estão presentes nessa adaptação: a ironia, a crítica, as frases afiadas.
Existe antes dessa, 16ª adaptação cinematográfica do livro, sendo essa a mais atual.
Como não li o livro, o que pretendo fazer assim que possível, não posso fazer comparações e dizer que faltou ou não na adaptação.
Mas o que posso dizer é que a sensualidade de Dorian é um dos pontos fortes do filme e fica muito nítida a mudança de humor, personalidade e atitudes dele. E que adorei o filme, a filmografia, as interpretações, claro que provavelmente, se eu tivesse lido ao livro teria fica um pouco ou muito decepcionada, mas o filme não deixa de ter o encanto dele.
Para quem gosta de filmes misteriosos com um pouco de suspense eu indico ele.
Agora que tal ver o trailer?!?!

 
Avalição:

assinatura-viviane

14 comentários:

  1. Tenho um pouco de vontade de ver o filme, mas confesso que por todas as críticas negativas que li, tenho um pouco de receio. A premissa da história é interessante, mas não sei se gosto de como a trama original foi adaptada.
    Só vendo para tirar uma conclusão!
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Também não vi o filme, mas me parece ser muito interessante, no início até achei que fosse parecido com o 18° Anjo, mas me enganei

    ResponderExcluir
  3. Oi oi! Tudo bem?
    Tenho a leve impressão de que já assisti a esse filme, mas faz um tempo. Quem sabe eu não reassista para conferir as informações colocadas pela sua pessoa. Mas pelo que li demonstra bem até que ponto o ser humano pode chegar pela beleza. Também não li o livro, então não posso fazer comparações.
    Até a próxima!

    ResponderExcluir
  4. Oiii tudo bem Vivi's.
    Olha achei um filme bem diferente, embora que essa história pareça triste. Ela me lembra um pouco "O Conde de Monte Cristo", claro bem pouco.
    Bem eu gosto de qualquer gênero menos terror, então vou assistir e (se eu lembrar) volto aqui e coloco meu ponto de vista.


    Parabéns Vivi's pelas postagens estão cada dia ficando melhores.

    ResponderExcluir
  5. Olá Vivian, tudo bem?
    Adorei sua indicação sobre o filme, ainda não o vi e nem sabia sobre o livro, mas parece seu um ótimo filme, e o trailer me deixou bastante curiosa!! Irei procurar na locadora da minha cidade!!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Caspian é você? hehe
    Já ouvi falar do livro... Quero ler antes de ver o filme!
    Fiquei super interessada para descobrir como ele vai sair deste pacto... acho que esconder o quadro não vai ajudar não... hehe...
    Amei a dica

    ResponderExcluir
  7. Vi tantas criticas negativas do filme que me desinteressei a assisti-lo. Quem sabe numa próxima?

    ResponderExcluir
  8. Nem sei se quero assistir o filme, ele me pareceu mais interessante sem as críticas negativas que li sobre ele.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
  9. Eu ainda não assisti o filme, mas já li o livro e gostei bastante dele. Eu acho que o filme deve ser tão bom quanto o livro e espero gostar dele também :)
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Nunca li o livro , mas o trailer e a sua resenha sobre o filme me interessaram muito,
    prometo baixar o filme e assistir , me parece muito bom *-*
    E-mail: juliamariamoraes2013@gmail.com
    Nome de seguidor: Julia Moraes

    ResponderExcluir
  11. 16 adaptações de um mesmo livro? Cara, ele deve ser muito bom!
    Eu conheço Dorian Grey do filme Liga Extraordinária - onde meu lindo Stuart Townsend o interpreta - e logo de cara me encantei pelo personagem.
    Gostaria de saber mais sobre ele, e creio que esse seja um bom caminho =)

    Beeijos, Dreeh.
    Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
  12. Eu nunca li o livro e nem assisti o filme, mas já assisti o trailer e o filme parece ser muito bom. Eu não sabia que o filme não era fiel ao livro, eu sempre queria ler o livro antes de assistir, mas acho que nem vou esperar mais.

    ResponderExcluir
  13. Não conhecia nem o filme e nem o livro e mt menos o autor :o Vou caçar ele para baixar e assistir já já já *-*
    Super Abraço, Victor Rosa
    encantosparalelos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Oi Vivi, já tinha ouvido falar do filmes mas não sabia que tinha livro, ainda não assisti e não tenho muita vontade. Beijos

    estantedecristal.blogspot.com

    ResponderExcluir