Leio, Logo Comento: Os Ancestrais de Avalon

Autor: Marion Zimmer Bradley e Diana L. Paxson
Editora: Rocco
Ano: 1983
Páginas: 440
O livro traz a história do povo que sobreviveu ao fim da Atlântida. Recria a atmosfera mística, tensa e sensual de Marion Zimmer Bradley. As aventuras dos refugiados da Atlântida, que perdem uma terra ensolarada e se adaptam na chuvosa e fria Inglaterra, para onde levam o legado espiritual da civilização perdida, têm um casal de protagonistas - dois sacerdotes - separados pelo cataclismo que afunda o continente e diversos personagens representando o eterno duelo entre a competição agressiva tipicamente masculina e a serenidade feminina, inspirada pela Grande Deusa. Os ancestrais de Avalon é um espetacular épico que irá agradar a todos os fãs da inesquecível Marion Zimmer Bradley.

Nesse livro vamos encontrar a criação de Avalon.
O livro inicia com os últimos dias de Atlântica e fala sobre como o grupo de ilhas acabou afundando.
Depois da queda de Atlântica, todos os sobreviventes, que se resumiu em dois navios, se veem obrigados a entrar mar adentro a procura de outra terra para morarem. Claro que para eles naquela época, essa viagem/busca não seria nada fácil, e não foi. Uma busca que era para ser tranquila acabou por se tornar um tormento, pois muito ficaram doentes e eles ainda enfrentaram uma grande tempestade que separou os dois navios. Um foi parar no sul da Inglaterra e ou outro no norte.
Os que chegaram ao sul, foi o grupo que em sua exploração, acabou encontrando o circulo de pedras, que hoje é conhecido por Stonehenge e lá foi fundada a Avalon.

Eu sou totalmente suspeita de falar dos livros que falam da história de Avalon, porque além de achar fascinante a escrita é ótima.
Durante a leitura onde fala sobre a viagem que fizeram de Atlântica até a Inglaterra, eles citam o estreito de Gibraltar, claro que não com esse nome, o que me fez procurar um mapa e tentar traçar uma rota e descobrir onde ficaria Atlântica.
Esse livro, se for seguir a ordem de lançamento, não fará muito sentido, mas a história vem logo depois de As Teias de Trevas, que acaba com Atlântica afundando.

Então, é claro, recomendo muito a leitura desse livro, ou melhor, de toda a série.

Nenhum comentário:

Postar um comentário