Lançamentos Editora Intrínseca


Você já conferiram os lançamentos do mês de Julho da Editora Intrínseca?
Eu fiquei super interessada em alguns, talvez eu acabe comprando e logo logo terá resenha para vocês. Mas até lá deem uma conferida nos livro abaixo.

A Culpa é das Estrelas – John Green
A culpa é das estrelas narra o romance de dois adolescentes que se conhecem (e se apaixonam) em um Grupo de Apoio para Crianças com Câncer: Hazel, uma jovem de dezesseis anos que sobrevive graças a uma droga revolucionária que detém a metástase em seus pulmões, e Augustus Waters, de dezessete, ex-jogador de basquete que perdeu a perna para o osteosarcoma. Como Hazel, Gus é inteligente, tem ótimo senso de humor e gosta de brincar com os clichês do mundo do câncer - a principal arma dos dois para enfrentar a doença que lentamente drena a vida das pessoas.
Inspirador, corajoso, irreverente e brutal, A culpa é das estrelas é a obra mais ambiciosa e emocionante de John Green, sobre a alegria e a tragédia que é viver e amar.

O segundo suspiro - Philippe Pozzo di Borgo
Philippe Pozzo di Borgo era um executivo de sucesso e herdeiro de duas tradicionais famílias francesas. Porém em 1993 sua vida sofre uma reviravolta dramática quando, após um acidente de parapente, ele fica tetraplégico. Na mesma época, sua mulher, Béatrice, enfrenta uma doença terminal. Em meio à dor, Pozzo di Borgo isola-se em sua luxuosa casa em Paris e passa a ter como acompanhante o argelino Abdel, genioso e desinibido com as mulheres - mas que, por trás de sua fachada temperamental, também sofre da solidão e da sensação de deslocamento.
Entre o aristocrata e seu "diabo guardião", surge uma inesperada camaradagem que transforma suas vidas. Abdel introduz em seu cotidiano a aventura e o imprevisível, e Pozzo di Borgo descobre que, mesmo nas mais adversas das condições, é possível cultivar um intenso apetite pela vida, voltar a amar e ser amado.
Irônico e brutalmente honesto, o depoimento de Pozzo di Borgo inspirou o filme Intocáveis, de Olivier Nakache e Éric Toledano. Lançada em novembro de 2011, a comédia dramática já levou mais de 20 milhões de franceses ao cinema e se transformou na produção francesa mais vista da história.

Tão mais bonita - Cara Hoffman
Haeden é uma pequena cidade no norte do estado de Nova York que tem como principal empregadora uma fábrica de laticínios. Seus habitantes são pessoas que fincaram raízes por lá e nunca mais foram embora - pessoas que não gostam muito de forasteiros. É o caso da família Piper, que fugiu da confusão da cidade grande com sua precoce e encantadora filha, Alice, procurando um novo começo, e de Wendy White, uma mulher doce e caseira, que desapareceu misteriosamente.
Recém-chegada a Haeden, a repórter Stacy Flynn decide reconstituir a vida de Wendy, que fora assassinada, organizando todos os fragmentos que encontra na tentativa de solucionar o caso. Ela escreve um apaixonado artigo para o jornal local, que desperta em Alice o desejo de também investigar o crime. Enquanto Alice e Flynn, separadamente, observam as pessoas ao redor em busca do assassino, o destino de Alice é entrelaçado para sempre ao de Wendy, quando um segundo crime abala as estruturas da cidade.

Invisiveis – Stef Penney
Quando Rose Janko desaparece, seu pai contrata um detetive para encontra-la. No entanto, a investigação é dificultada pelas únicas pessoas que poderiam ajudar: a família Janko. Trata-se de um clã de ciganos nômades, e a ultima coisa que desejam é um estranho se metendo em seus assuntos particulares. Mas por que não querem que Rose seja encontrada?

Predestinados – Josephine Angelini
Helen Hamilton passou a vida inteira tentando disfarçar o fato de ser uma garota diferente, detentora de uma força sobre-humana, mas agora isso será cada vez mais difícil. Quando se torna vitima de sucessivos e estranhos ataques e à medida que sente o incontrolável impulso de matar Lucas, um dos rapazes da misteriosa família Delos, ela começa a descobrir mais sobre sua verdadeira origem e tradições ancestrais.

Óculos, aparelho e rock’n’roll – Meg Haston
Super-rigorosa e cheia de estilo, Kacey Simon dita às tendências na escola: ela anda com as garotas mais populares e tem o seu próprio programa de TV no canal do colégio. Mas uma infecção ocular e uma visita ao dentista deixam Kacey com óculos fundo de garrafa, a boca cheia de metal e...a língua prefa. Rejeitada pelos amigos populares, ela despenca da pirâmide social e fará de tudo para alcançar o topo novamente.

Os deixados para trás – Tom Perrota
Habilidoso critico do cotidiano, especialmente o dos subúrbios, o escritor e roteirista Tom Perrota provoca: o que aconteceria se, de repente, sem nenhuma explicação, pessoas simplesmente desaparecessem, sumissem no ar? Essa é a premissa de Os deixados para trás, alçado pela critica norte-americana como o romance mais maduro de sua carreira.

3 comentários:

  1. Só ouço críticas boas ao livro " A culpa é das estrelas " . A história parece um pouco com um anime que eu assisti. Além deste, gostaria der ler o livro "Óculos, aparelho e rock’n’roll", parece ser interessante.

    ResponderExcluir
  2. Poxa eu vi sim muitos amigos estão falando e disseram que são otimas leituras e to muito afim msm

    ResponderExcluir
  3. Quero ler O Segundo Suspiro,pois parece ótimo!Tão mais bonita também me interessou!
    Bjs

    ResponderExcluir