A Pedra Filosofal


Autora: J. K. Rowling
Editora: Rocco
Ano: 2000
Páginas: 263
Harry Potter é um garoto cujos pais, feiticeiros, foram assassinados por um poderosíssimo bruxo quando ele ainda era um bebê. Ele foi levado, então, para a casa dos tios que nada tinham a ver com o sobrenatural. Pelo contrário. Até os 10 anos, Harry foi uma espécie de gata borralheira: maltratado pelos tios, herdou roupas velhas do primo gorducho, teve óculos remendados e foi tratado como um estorvo. No dia de seu aniversário de 11 anos, ele parece deslizar por um buraco sem fundo, como o de Alice no País das Maravilhas, que o conduz a um mundo mágico. Descobre sua verdadeira história e seu destino: ser um aprendiz de feiticeiro até o dia em que terá que enfrentar a pior força do mal, o homem que assassinou seus pais. O menino de olhos verde, magricela e desengonçado, tão habituado à rejeição, descobre, também, que é um herói no universo dos magos. Potter fica sabendo que é a única pessoa a ter sobrevivido a um ataque do tal bruxo do mal e essa é a causa da marca em forma de raio que ele carrega na testa. Ele não é um garoto qualquer, ele sequer é um feiticeiro qualquer; ele é Harry Potter, símbolo de poder, resistência e um líder natural entre os sobrenaturais. A fábula, recheada de fantasmas, paredes que falam, caldeirões, sapos, unicórnios, dragões e gigantes, não é, entretanto, apenas um passatempo. Harry Potter conduz a discussões metafísicas, aborda o eterno confronto entre o bem e o mal, evidencia algumas mazelas da sociedade, como o preconceito, a divisão de classes através do dinheiro e do berço, a inveja, o egoísmo, a competitividade exacerbada, a busca pelo ideal - a necessidade de aprender, nem que seja à força, que a vida é feita de derrotas e vitórias e que isso é importante para a formação básica de um adulto.

No inicio parece ser muito triste a historia, pois fala de um garoto órfão e não compreendido e maltratados pelos tios. Mas no decorrer da historia você vai ficando intrigado e querendo saber onde isso vai acabar afinal não é todo dia que se descobre que é um bruxo.
O surgimento de um novo mundo cheio de magia, onde existe até mesmo um Ministro, um jornal e uma famosa escola que ninguém no mundo trouxa (como os não bruxos são chamados) imagina existir. Para Harry, é o descobrimento de sua própria história, suas origens e sua importância no mundo.
É um livro muito bem escrito, e apesar de ser curtinho, prende a atenção do início ao fim. É cheio de ação, suspense e mistério, com a eterna luta entre o bem e o mal... um livro para todas as idades. Já foi adaptado para as telonas.
Quem ainda não leu (coisa rara de ser ouvir hoje em dia rs) tá esperando o que??? Corre para ler que é muito bom!

6 comentários:

  1. eu naum sei porque, eu naum gostei muito do filme, mais o livro er muito interessante

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Sabe, nunca li nenhum livro e nem assisti nenhum filme de HP, mas é porque nunca me interessou, mesmo sendo do meu gênero favorito, nem ser porque ainda não li um dos livros, estou até pensando em ler, quem sabe néh, eu goste, pela sua resenha parece ser bem interessante! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa Jaque não perde tempo vai ler porque essa série é ótima você não vai se arrepender Xuxu.


      Beijos

      Excluir
    2. é verdade jaque a serie é muito legal

      Excluir
  3. Esse foi um dos primeiros livros da minha coleção particular rsrs.
    AMO Harry Potter, tanto o filme como os livros, claro que oa livros são 1000 vezes melhores.
    Ótima resenha Vivi's.

    ResponderExcluir
  4. Nossa quanta saudade agora hein rs... É ta difícil sem termos mais harry bom nos restou graças a Deus os filme e os livros... então estou matando a saudade relendo rsrs

    ResponderExcluir